Saúde&Beleza

22/12/2016 16:45

Cirurgias ortopédicas voltarão a ser realizadas em Ji-Paraná, RO

Depois de três anos, cirurgias ortopédicas de baixa e média complexidade voltarão a ser realizadas no Hospital Municipal de Ji-Paraná a partir da última semana de dezembro. De acordo com diretoria, a unidade está apta a realizar procedimentos. Desde 2013, as cirurgias passaram a ser feitas no Hospital Regional de Cacoal.

Durante a manhã a última segunda-feira (19) autoridades municipais e estaduais assinaram um convênio que possibilitará a realização das cirurgias. Seis médicos do município realizarão 25 cirurgias ortopédicas de baixa e média complexidade por mês, atendendo pacientes de Ji-Paraná e 17 municípios da região central.

De acordo com o diretor do hospital municipal de Ji-Paraná, Antelmo Souza Ferreira, em 2013, o hospital da cidade teve que remanejar os ortopedistas para o município de Cacoal e por isso as cirurgias precisaram ser transferidas.

“Em 2013, com a inauguração do Hospital Regional, tivemos que remanejar os dois ortopedistas, que eram do Estado. A ideia inicial era que, concentrando essas cirurgias em Cacoal, o município daria conta de atender essa demanda. Mas isso causou um sério congestionamento de pacientes em Ji-Paraná”, afirma o diretor.

O pedido do retorno de cirurgias ortopédicas para a cidade foi realizado durante em uma audiência pública, no mês de junho deste ano. Com audiência, houve um acordo em que o Hospital Municipal adquirisse um arco cirúrgico no valor de R$ 334 mil e o Estado, através de ementa parlamentar, iria dispor R$ 350 mil para aquisição de medicamentos e insumos médicos.

Segundo coordenador da equipe ortopédica do Hospital Municipal, Edson Fidélis Junior, serão realizar cirurgias de baixa e média complexidade nos membros superiores. Os demais procedimentos continuarão sendo transferidas para os hospitais de Cacoal ou para a capital do estado.

“A partir deste momento, serão realizadas essas cirurgias de pequeno e média complexidade, nos membros superiores. Fraturas da mão, braço e antebraço, essas cirurgias menores, consequentemente nós iremos diminuir as filas do Hospital Regional de Cacoal, que dará prioridade aos atendimentos de alta complexidade”, comenta o coordenador.

 

Fonte: Pâmela Fernandes e Marco Bernardi Do G1 RO


© 2003 -2017  Direitos reservados  Jipafest.com                                                                           

E-mail

Contato

 (69)-9-9293-2598 

 

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo